ARTIGOS

QUALIDADE DE VIDA

A milenar Reflexologia Podal

A arte milenar da Reflexologia Podal
A Reflexologia Podal, também chamada de Terapia Podal, é uma terapia milenar que atua em pontos reflexos precisos dos pés com base na teoria de que as áreas reflexas dos pés correspondem a várias outras partes do corpo.

A Reflexologia é classificada atualmente, como uma ciência que se baseia em estudos fisiológicos e neurológicos. Além de ser também uma arte, porque depende da habilidade com que o terapeuta aplica o seu conhecimento.

Mesmo na era atual, onde as informações viajam em uma velocidade incrível, muitos nunca ouviram falar da Reflexologia Podal e não conhecem os seus efeitos e reais benefícios.

Você sabia?
  • A Reflexologia Podal existe há mais de 5000 anos e é utilizada como método terapêutico desde as civilizações antigas (acredita-se que é originária da China), passando por várias gerações até os milhares de praticantes espalhados pelo mundo atualmente.
  • Documentos (pictogramas) encontrados no Egito, 2330 a.C, registrados no túmulo do médico Ankmahor em Saqqara, apontaram que os egípcios antigos utilizavam técnicas de massagem nos pés para recuperar a saúde das pessoas.
  • Qualquer pessoa, de qualquer idade, pode usufruir desta técnica, inclusive crianças. No entanto, vale lembrar que não se trata de um tratamento médico. Trata-se de uma terapia alternativa complementar à medicina tradicional.

Ao receber o estímulo nos pés, impulsos nervosos percorrem o corpo até o córtex cerebral. O corpo responde imediatamente enviando impulsos nervosos para o órgão reagente e também busca o equilíbrio hormonal. Isso leva uma reação em cadeia, impactando todos os sistemas do corpo.

Por tanto, não se deve confundir com a massagem básica dos pés ou com a massagem corporal. Cada parte do corpo e cada função orgânica, possui seu ponto reflexo correspondente nos pés.

Um experimento feito pelos japoneses, utilizando a ressonância magnética, analisou a relação dos estímulos com a atividade cerebral. Os resultados estatísticos mostraram que a estimulação reflexológica de áreas que a Terapia Podal aponta como correspondendo ao olho, ombro, e o intestino delgado ativaram essas mesmas regiões e não somente dos próprios pés.

“Se o estímulo chega ao córtex, pode, a partir dele, atingir o hipotálamo, que por sua vez é um centro nervoso que trabalha em conjunto com a hipófise, a glândula-mãe. Ambos regem a produção de hormônios que agem nos órgãos”

Gilberto Xavier - Fisiologista

O objetivo da Reflexologia é obter uma resposta positiva dos órgãos que vão ser estimulados, através da pressão nas zonas reflexas dos pés, obtendo um funcionamento harmônico de todo o corpo.

Usando estas técnicas específicas de aplicação de pressão sobre estas áreas, ocorrem mudanças fisiológicas no organismo, na medida em que o próprio potencial de cura de cada pessoa é estimulado. Dessa maneira, os pés podem desempenhar um papel importante para se conquistar e manter uma saúde melhor.

Saiba como essa terapia relaxante é realizada:

Para se praticar Reflexologia, não necessário obrigatoriamente a utilização de qualquer equipamento. O uso das mãos e principalmente da polpa dos dedos, é suficiente para um bom atendimento.

Numa sessão de Reflexologia, o primeiro passo é preparar o organismo para receber o tratamento, através de uma sessão de relaxamento.

Em seguida, vão ser realizadas massagens com as mãos, que pretendem estimular o sistema urinário, linfático, reprodutor, digestivo, imunitário, circulatório, endócrino, respiratório, muscular, esquelético e nervoso.

O tratamento vai terminar com técnicas de relaxamento, que desbloqueiam a energia e ajudam a eliminar as toxinas do organismo.

Principais Benefícios
  • Relaxa a tenção nervosa e muscular: logo no início da sessão, a pessoa é induzida a um estado de relaxamento, através da estimulação de pontos específicos. E na Terapia dos Pés, o ambiente é envolvente, relaxante, calmo e confortável.
  • Provoca um relaxamento profundo: o nível de relaxamento pode levar a que a pessoa adormeça, durante a sessão. O relaxamento inicial é muito benéfico para todo o processo de tratamento, podendo prolongar-se por horas ou dias, após terminar a sessão.
  • Alivia situações de dor: a sensação de prazer e de bem-estar, proporcionadas pelo relaxamento, liberta um conjunto de hormonas, que vão desencadear mecanismos para aliviar a dor.
  • A Terapia Podal é a única que atua diretamente na parte do corpo onde a circulação sanguínea é mais deficiente, por isso, considerada muito importante para reequilibrar a circulação sanguínea e consequentemente, acelerando a eliminação das toxinas do corpo.
  • Gestantes também podem se beneficiar de técnicas específicas que contribuem para o bem-estar, leva ao encurtamento do trabalho de parto e a diminuição dos analgésicos. Além disso, evita a depressão pós-parto e a ansiedade de lidar com um recém-nascido.
  • Contribui para uma rápida recuperação pós-cirúrgica, reduzindo a dor e o consumo de analgésicos. Com a melhora na circulação sanguínea, o transporte de oxigênio e nutrientes ficam mais eficientes em todo o corpo. As toxinas acumuladas na região mais baixa, voltam a circular, resultando em um maior volume de sangue filtrado pelos rins e que logo serão eliminadas através da urina.

A Terapia Podal proporciona uma infinidade de benefícios para a sua saúde, física, energética e emocional, o objetivo principal da Terapia Podal é levar o corpo ao seu estado de equilíbrio natural. A mudança no corpo já pode ser sentida logo na primeira sessão da Terapia Podal, e a sensação de bem-estar é imediata.

A Terapia dos Pés tem profissionais especializados nessa técnica milenar. Que tal experimentar uma sessão?

Fontes:
  • Terapia dos Pés
  • Portal Educação
  • Ashitsubo
VEJA MAIS NAS REDES SOCIAIS